Atacado de sex shop e lingerie: vantagens e dicas de como revender

Já pensou em ter uma nova fonte de renda? Nos últimos tempos, principalmente em razão da pandemia da Covid-19, muitas pessoas se questionaram sobre uma forma diferente de ganhar dinheiro. A resposta pode estar mais perto do que você imagina: no atacado de sex shop e lingerie.

Ser revendedor ou revendedora nesse segmento é garantia de entrar em um mercado erótico em expansão: a busca pelo prazer nunca esteve tão em alta. Saiba as vantagens de investir nesse tipo de negócio!

Atacado de sex shop é lucrativo?

Durante a pandemia, o número de vibradores vendidos no País cresceu 50% em um ano, segundo um levantamento feito pelo portal mercadoerotico.org

Em três meses, aproximadamente 1 milhão desses produtos foram comercializados no Brasil. O setor em geral teve um crescimento de 12% de acordo com os dados da Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico e, em 2020, faturou R$ 2 bilhões.

Existe uma explicação para isso: segundo especialistas, o isolamento social, a solidão e a facilidade de compra pela internet estimularam esse crescimento. Uma grande vantagem neste sentido é que este tipo de produto possui alto giro e uma margem de lucro que pode chegar até 500%

As vantagens de atuar no atacado de sex shop não param por aí. Veja:

As vantagens de atuar no atacado de sex shop

Horários flexíveis

Trabalhar apenas quando quer é o sonho de muita gente. É claro que o seu resultado vai ser proporcional à dedicação ao trabalho, mas a possibilidade de flexibilização é, sem dúvida, uma grande vantagem para esse tipo de empreendedor. 

Existe ainda a possibilidade de investir nas vendas pela internet, tornando essa questão do horário ainda mais secundária. Você vai adequando a sua rotina de trabalho ao que fica melhor para seus clientes e, claro, para sua realidade.

Para todos os gostos

O universo de produtos eróticos é gigante, assim como o das lingeries: tem para todos os gostos, personalidades e ocasiões. Não existe um público-alvo restrito: sabendo fazer a abordagem correta, explorando datas comemorativas, identificando a melhor linguagem a ser trabalhada, o céu é o limite!

A grande variedade de cores, modelos e maneiras de utilizar faz com que esse negócio seja adaptável para qualquer pessoa. Use a criatividade e explore todas as possibilidades deste mercado.

Investimento inicial baixo

Já falamos sobre a lucratividade de atuar como revendedor neste segmento, mas outro aspecto importante a se destacar é que o investimento inicial é muito acessível. Tanto para lingerie, como para produtos de sex shop, com poucos recursos você já consegue iniciar o seu próprio negócio e ir crescendo conforme as vendas aumentarem.

Sexo é atrativo

Falar sobre sexo já foi um grande tabu, mas a evolução da sociedade permitiu que hoje a história seja diferente. Além de ser totalmente normal falar sobre o prazer (feminino e masculino), o tema atrai muitos curiosos. Despertar o interesse do seu público é o primeiro passo para realizar uma venda. 

Por isso, quebre todos os tabus ao falar com seus clientes em potencial: seja livre de qualquer preconceito, já que gostos e fetiches não se discutem. Afinal, você está vendendo algo que certamente vai proporcionar momentos únicos e inesquecíveis.

Como fazer revenda de produtos de sex shop?

Agora que você já conhece algumas das principais vantagens do atacado de sex shop e lingerie, chegou o momento das dicas para ser uma revendedora ou revendedor de sucesso. Vamos lá?

  • Conhecimento: conhecer o produto que você está vendendo é fundamental, mas é preciso ir além: amplie seus conhecimentos sobre os temas ligados à revenda de produtos de sex shop ou lingerie. Demonstrar domínio do assunto é garantia de credibilidade junto aos clientes.
  • Divulgação: ninguém vai saber que você atua no atacado de sex shop e lingerie se não for divulgado de alguma forma. Crie sua identidade visual e abuse da divulgação pelos meios digitais: é gratuito e não existem fronteiras.
  • Atendimento: seja simpático e atencioso com seu cliente, tenha sempre um sorriso no rosto e demonstre boa vontade no atendimento. Não importa se a pessoa está comprando um produto de R$100,00 ou de R$1.000,00: o tratamento deve ser o mesmo. 
  • Oportunidade: cada venda é uma oportunidade de mais uma venda, seja para aquele cliente ou para outro. Sempre tenha um complemento do produto para oferecer, descubra os gostos de quem está adquirindo o seu produto e explore isso para vender mais. Se a oportunidade não aparece, você precisa criá-la.
  • Qualidade: seu produto é sua imagem e certamente você não quer ficar conhecido (a) negativamente pelos seus clientes. Trabalhe com materiais de boa procedência, que tenham qualidade e que você possa garantir a durabilidade e eficácia.

Digital é melhor para a revenda?

Apesar da quebra de tabus, algumas pessoas ainda se sentem constrangidas para falar pessoalmente sobre produtos de sex shop e até mesmo lingeries. Já falamos aqui sobre vantagens do digital, mas a internet pode ser muito explorada por um revendedor destes segmentos.

A criação de um site para suas vendas, por exemplo, permite uma maior discrição para seus clientes que querem evitar uma possível exposição. As redes sociais são ferramentas gratuitas e que possuem inúmeras maneiras de divulgação e venda: explore as possibilidades! 

Faça vídeos, enquetes, produza fotos atraentes dos produtos, ataque forte em datas comemorativas, faça parcerias com influenciadoras digitais, use a imaginação.

A comunicação visual é a alma desse modelo de negócio. Abuse das imagens, mas lembre-se que elas precisam estar com uma boa qualidade: o cliente tem que deslumbrar-se e sentir vontade de ter ou usar aquele produto. Conquiste pelos olhos.

Nos seus canais digitais, não se limite apenas a vender. Crie um conteúdo atraente e insira a venda neste contexto, aborde temas relevantes e que tenham relação com seus produtos. 

WhatsApp também pode?

O WhatsApp revolucionou a maneira como nos relacionamos e veio para ficar. Se ele pode ser usado como ferramenta na revenda de produtos de sex shop e lingeries? Deve! 

Crie lista de transmissões com seus clientes e envie as novidades. Também existe a possibilidade de chamadas de vídeo para demonstrar os produtos sem necessariamente estar no mesmo local que o cliente. 

Crie grupos de amigas (os) e faça uma apresentação para todas (os) juntas (os): elas costumam estimular as compras uns dos outros.

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite para revender os nossos produtos, como vibradores, lubrificantes e lingeries! Veja no site da Sex Shop Ciasex como fazer a revenda: seja dona (o) do seu próprio negócio e garanta sua independência financeira.

acessórios de sex shopBlog ciasexrevender sex shopSeja revendedorSex Shop
Comentários (4)
Add Comment